APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

DOE MENSALMENTE PELO CATARSE

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Sobre-Viver

Câmara de Embu das Artes recebe cultos religiosos

Image

Por Silvia Martins | 22.12.2015

Publicado em 22.12.2015 | 19:11 | Alterado em 22.11.2021 | 16:39

A Câmara dos Vereadores de Embu das Artes, na Grande São Paulo, tem recebido eventos evangélicos aos terceiros sábados de cada mês, desde março deste ano.

Para regulamentar a utilização do espaço, em junho de 2015 foi instituída a Resolução 203/2015, que trata dos direitos e deveres para o agendamento público.

A Mural acompanhou um dos eventos nos últimos meses, em que a igreja Menonitas Renovada esteve à frente da organização.

Louvor na Câmara de Embu das Artes

Na abertura, o ministrante deu boas vindas aos membros e convidou as autoridades públicas presentes para se juntar aos oradores na tribuna. Entre os políticos do município, compareceram o vereador e presidente da Câmara, Ney Santos (PSC) e os vereadores Jefferson da Silva Siqueira (PR) e Gilson Oliveira (PT).

Sentados ou em pé, de mãos dadas ou abraçados, os membros formavam correntes e elevavam suas vozes com emoção. O culto é um evento agendado no espaço da câmara, mas não é uma sessão do legislativo.

“Quem disse que não podíamos adorar a Deus aqui dentro?”, perguntou com energia o jovem ministrante.

“É uma casa de Leis, mas quando entramos e oramos, santificamos este lugar. E lugar santificado é lugar de adoração.”

Por três vezes, histórias de fé e milagres abriram brechas para o desabafo do “elevado sentimento de gratidão” à representatividade do Presidente da Câmara e por estarem reunidos dentro da Casa de Leis, adorando ao Senhor.
Nos intervalos dos cânticos e contos, os membros da frente foram convidados a falar. Era comum o gesto de dar glórias pela vida dos irmãos presentes, especialmente pela vida do Presidente da Casa, por tornar possível o evento à comunidade evangélica.

Cerimonialista congrega para casa cheia

Uma homenagem especial, título de Cidadão Embuense, foi entregue ao Pastor José Eguiny Manente. A honraria já havia sido concedida oficialmente, por Decreto, em sessão plenária, de agosto de 2015.

Em comunicado oficial, a Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Embu das Artes informou que não houve trâmite especial para a aprovação dos cultos, uma vez que “o recinto da Câmara Municipal, especialmente o Plenário Mestre Gama e a Sala dos Emancipadores, são comumente cedidas para a realização de eventos de interesse da comunidade embuense”.

Sobre alianças políticas com a comunidade evangélica, a Assessoria alegou não haver relação, mas uma vez que “o acesso é livre e, por se tratar de espaço público, a presença de pessoas que possuam envolvimento político com o evento é hipótese que pode realmente ocorrer”

Oradores e políticos na tribuna
Políticos entregam homenagem para Pastor (da esquerda para a direita: Jefferson Siqueira, Pastor José, Ney Santos, Gilson Oliveira)

Sílvia Vieira Martins é correspondente de Embu das Artes
[email protected]

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.