‘Champions’ da várzea tem final entre Barro Branco de Cidade Tiradentes e Milianos do Campo Limpo

Times tentam garantir primeira taça da Super Copa Pioneer em jogo que será disputado no estádio Distrital de Inamar, em Diadema

Um dos principais torneio da várzea de São Paulo, a Super Copa Pioneer define neste domingo (19), às 13h, o novo campeão. A decisão no estádio Distrital Inamar, em Diadema, na Grande São Paulo, terá o duelo entre Barro Branco, de Cidade Tiradentes, zona leste, e o ADC Milianos, do Jardim Rosana, no Campo Limpo, zona sul.

As equipes chegam na final, em busca do primeiro título do torneio, com campanhas distintas e dois ataques poderosos.

Receba nossa newsletter!

Criado em 2013, o Barro Branco tem 100% de aproveitamento na competição, marcou 24 gols (média de 3 por jogo) e sofreu oito, ao longo das oito partidas que disputou. A equipe marcou ao menos três gols em todos os jogos a partir do mata-mata.

Na segunda fase, o time venceu o Baixão por 3 a 2. Na sequência mais uma partida equilibrada. Contra o R2 Debony, vitória por 4 a 3, pelas oitavas de final.

Crédito: Rafael Santana dos SantosBarro Branco goleou por 4 a 0 na semifinal (Super Copa Pioneer/Divulgação)

A partir daí, a equipe da zona leste embalou ainda mais. Nas quartas, os jogadores de Cidade Tiradentes atropelaram o ADV por 3 a 0, enquanto na semifinal foram mais 4 a 0 para cima do Elite.   

O adversário é o ADC Milianos, time que tem 17 anos de história, e teve uma jornada mais sofrida para chegar à decisão. Na primeira fase, a equipe terminou em 2°lugar  no grupo G com sete pontos.

Na segunda fase, o time eliminou o Favela Guacuri, por 3 a 1, e depois passou pelo Novatos por 1 a 0.

O jogo mais dramático da campanha veio nas quartas de final, contra o 7 Praias, quando por muito pouco o time não deixou a competição. Após empate no tempo normal, a decisão foi para os pênaltis. Em dois momentos, os praianos precisavam de apenas um gol para garantir a vaga. Na primeira, Nenê mandou na trave. Na segunda, o goleiro do Milianos, Diego, defendeu e garantiu a classificação.

Crédito: Rafael Santana dos SantosMilianos já enfrentou decisão por pênaltis durante a campanha Super Copa Pioneer/Divulgação)

No final, vitória por 7 a 6 para o time do Campo Limpo que ganhou moral para a semifinal contra o Inajar de Souza, da Vila Nova Cachoeirinha. Vitória por 3 a 1 e a vaga na decisão. A equipe marcou um gol a menos que o Barro Branco – foram 23 (média de 2,8 por partida) e sete sofridos.

As duas equipes vão disponibilizar transporte para a torcida neste domingo (19). O Barro Branco marcou para 8h30, na sede do Nóis Que Tá, a saída do bairro. No caso do Milianos, o time terá concentração na sede do CDC Rosana a partir das 9h.

Apesar dos quase 50 km que separam as sedes dos finalistas, as equipes tem um fator em comum. Ambas têm nos escudos o símbolo de um desenho animado. Resta saber quem levará o prêmio de R$ 50 mil: os Metralhas do Milianos ou o robô Bender (de Futurama) do Barro Branco.

André Santos

Jornalista, correspondente do Jardim Fontalis desde 2017. Integrante do Coletivo Favela em Cena de teatro (ator e diretor). Ama carnaval e jura que é baiano (tem que checar isso aí, ok?).

Jd. Fontalis, São Paulo

Paulo Talarico

Editor-chefe de jornalismo, cofundador e correspondente de Osasco desde 2011. Formado em jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu, tem pós-graduação em jornalismo esportivo e curso técnico de locução para rádio e TV. Atualmente, estuda História na Universidade de São Paulo. Gosta de café, Osasco, livros, futebol e cinema.

Osasco

Comentários