Feriado da Proclamação da República tem hip-hop, poesia e programação do novembro negro

Rolê na Quebrada traz os principais eventos das periferias de SP

Se você está procurando uma lista para o fim de semana com hip-hop, poesia, samba, coco e até jazz, acabou de encontrar. A Agência Mural preparou uma especialmente para você.

Dá uma olhada nesse material aqui.

Receba nossa newsletter!

ZONA NORTE

Os Bambas – Santana

A terceira edição de Os Bambas chega trazendo muitas atrações: Belo, Xande de Pilares, Dudu Nobre, Leci Brandão, Fundo de Quintal, Art Popular e muito mais. Os apresentadores serão os radialistas Patricia Liberato e Ricardo Sucesso. 

Quando: Sábado e domingo (16 e 17), às 11h
Onde: Av. Olavo Fontoura, 1209. Portão 1
Quanto: 1kg de alimento não perecível

Ó Jazz Groove – Freguesia do Ó

Projeto mensal “Ó Jazz Groove”, que conta com músicos voluntários em formato Jam Sessions, busca deixar a música jazz viva e desfazer a fama de ser um ritmo da elite. O evento é livre para todas as idades, para todos estilos, e promete agradar geral.

Quando: Sábado (16), às 18h
Onde: Fundo de Fábrica, Rua da Bica, 173B
Quanto: Grátis

ZONA SUL

5ª Mostra de Samba Rock de São Paulo – Santo Amaro

Evento anual que visa promover o contato do público com todas as linguagens do samba rock, tendo o intuito de disseminar a cultura e fortalecer o movimento. Na sexta-feira (15)  rola aula aberta com a dançarina Débora Boaventura, show da banda Galo Negro, participação especial de Nereu Mocotó, integrante do lendário Trio Mocotó. No sábado (16), haverá um baile de abertura e show com Banda Nova Malandragem, que terá participação especial da cantora Geovana.

Quando: Sexta (15), às 16h, e Sábado (16),às 21h30
Onde: Sesc Santo Amaro, R. Amador Bueno, 505
Quanto: Gratuito

11ª Identidade Hip Hop – Capão Redondo

A Identidade Hip Hop vai abordar o estilo em todos os seus elementos (rap, dj, dança e grafite). Será um dia de palestras, apresentações, oficinas e shows. No destaque a palestra “Reflexões, provocações e proposições em Danças Urbanas: um papo sobre cadeia produtiva, autogestão e inovação”, com a dançarina FabGirl, e batalha/show de Mc’s com MC’onário, Winnit, Motta Mc, Dj Duh França e muito mais.

Quando: Sexta, sábado e domingo (15, 16 e 17), às 10h
Onde: Fábrica de Cultura do Capão Redondo, R. Algard esquina com R. Trevo Branco, S/N
Quanto: Gratuito

Crédito: Elaine Mineiro/DivulgaçãoGrupo Coco Semente Crioula

ZONA LESTE

2ª Noite do Coco – Arthur Alvim

Uma noite repleta de atrações com a Cia. de Cultura Popular Lelê de Oyá, Grupo de Dança Afro Babalotim e o lançamento do CD “Chuva de Sementes”, do grupo Coco Semente Crioula, com participações especiais de Kelly Guimarães, Mestra Soraia Aparecida, Camilla Antonelli, Jeferson Cristino e Grupo Batakerê.

Quando: Sábado (16), às 17h
Onde: Espaço Cultural Adebanke, R. Durandé, 175
Quanto: Gratuito

MV Bill – Itaim Paulista

Em 29 anos de carreira, MV Bill lançou oito álbuns. Nascido, criado e morador da Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, ele é conhecido por usar o trabalho como instrumento para críticas sociais, mostrando a realidade das periferias do Brasil. No repertório do rapper, ator, cineasta e ativista social canções como “Estilo vagabundo”, “Junto e Misturado”, “Um só coração”, “O bonde não para” e “Cidadão refém”.

Quando: Sexta-feira (15), às 19h
Onde: Casa de Cultura Itaim Paulista, R. Monte Camberela, 49
Quanto: Gratuita

Cultura, conjuntura e periferias – Formação aberta APC

A APC (Assessoria Popular em Cultura) realiza mais dois encontros para discutir temas estratégicos à produção e difusão da cultura nas periferias. A ideia dessas conversas é compartilhar experiências e refletir sobre os velhos e novos desafios que envolvem o tema. No dia 19, o evento terá a presença de Tracie e Tasha Okereke, DJs, estilistas, diretoras de arte, produtoras culturais, blogueiras e ativistas periféricas.

Quando: Terças (19 e 26), às 19h
Onde: Galpão ZL, Fundação Tide Setubal. R. Jerônimo da Veiga, 164 – Jardim Europa, São Paulo – SP
Quanto: Gratuito

ZONA OESTE

Kilombar Festa – Jd. Peri Peri

O Kilombar Fest terá apresentação dos grupos Punho de Mahin, Tríade Ori, Crexpo e Joyce Amaro. O evento parte da ideia dos quilombos, local de refúgio e fortalecimento dos antigos africanos e afro-brasileiros fugidos da escravidão e hoje moradia de seus descendentes. 

Quando: Sábado (16), às 14h30
Onde: Casa de Cultura do Butantã, R. Junta Mizumoto, 13
Quanto: Gratuito

Crédito: DivulgaçãoO Canto dos Orixás se apresenta no Butantã

OBI – O Canto dos Orixás – Butantã

Com um elenco formado por 26 cantores/atores, quatro dançarinos e seis instrumentistas, o grupo OBI se apresenta no Butantã para um espetáculo que reverencia os Orixás, com projeções e poemas que dialogam com as músicas. 

Quando: Sábado (16), às 18h, Domingo (17), às 11h
Onde: CEU Butantã,
Quanto: Gratuito

CENTRO

Gato Preto – Santa Cecília

O grupo Gato Preto é formado por músicos de Moçambique, Gana e Senegal, liderados pela Mc Gata Misteriosa. A banda se inspira em estilos musicais de sucesso nas ruas das principais capitais do continente africano, criando um ‘global bass afrofuturista’ e sendo uma das maiores representantes da diáspora africana na Alemanha.

Quando: Sexta-feira (15), às 21h
Onde: Aparelha Luzia, R. Apa, 78
Quanto: Gratuito

Valencianas II: Alceu Valença e Orquestra Ouro Preto – Ibirapuera

A Orquestra Ouro Preto, regida pelo Maestro Rodrigo Toffolo, e o cantor e compositor Alceu Valença, lançam a 2ª edição de Valencianas, com novas obras no repertório que pretendem surpreender os fãs da poesia de Alceu, com ainda mais beleza e sonoridades musicais.

Quando: Domingo (17), às 17h
Onde: Auditório do Ibirapuera, Av. Pedro Álvares Cabral, S/N.
Quanto: Gratuito

GRANDE SÃO PAULO

Forró no Parque Chico Mendes – São Caetano

O propósito desse rolê é unir a cultura nordestina junto aos inúmeros benefícios que o evento propõe como lazer, socialização, civilidade, qualidade de vida, saúde física e mental. Não sabe dançar? Não tem problema. O mais importante é a diversão.

Quando: Domingo (17), às 16h
Onde: Avenida Fernando Simonsen, 566.
Quanto: Gratuito

33° Encontrão Poético – Francisco Morato

É hora do sarau mais tradicional de Francisco Morato, onde os artistas improvisam e declamam sobre um caixote. Não há necessidade de prévia inscrição, é chegar e soltar a voz. Ainda rola uma exposição da artista Emaye Natalia Marques (Melaço) e do escritor Betto Souza. Sonorização e amplificação é da equipe Disco Preto Sound System.

Quando: Sábado (16), às 16h
Onde: Praça Belém da Serra (Praça do Coreto), S/N 
Quanto: Gratuito

André Santos

Jornalista, correspondente do Jardim Fontalis desde 2017. Integrante do Coletivo Favela em Cena de teatro (ator e diretor). Ama carnaval e jura que é baiano (tem que checar isso aí, ok?).

Jd. Fontalis, São Paulo

Comentários