APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
32xSP

Gestão Covas troca prefeitos regionais de Itaquera e Campo Limpo

No cargo desde o início de janeiro de 2017, Jacinto Reyes (Itaquera) e Heitor Sertão (Campo Limpo) foram exonerados neste mês

Image

Por: Redação

Publicado em 13.07.2018 | 17:54 | Alterado em 13.07.2018 | 17:54

Tempo de leitura: 2 min(s)
Image

Paraisópolis, a maior favela da capital paulista, faz parte da prefeitura regional do Campo Limpo (Vagner de Alencar/32xSP)

Mais dois prefeitos regionais deixaram seus cargos na gestão do atual prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB): Jacinto Reyes (Itaquera) e Heitor Sertão (Campo Limpo). No fim de junho, a então prefeita da Penha, Fernanda Maria de Lima Galdino, também foi exonerada.

Reyes era titular na regional do extremo leste desde o mandato Doria, que abandonou a prefeitura para se candidatar a governador estadual, havia um ano e sete meses. A exoneração foi publicada no dia 2 de julho do Diário Oficial do Município.

Nascido e morador do bairro por muitos anos, o ex-prefeito regional é médico especialista em cirurgia do quadril e desportiva. Também tem histórico de participação comunitária no Conselho Comunitário de Segurança de Itaquera.

LEIA MAIS
– Em 11 meses, gestão Doria demite quinto prefeito regional
– Prefeito regional de Pinheiros deixa cargo para se candidatar a deputado

De acordo com informações do jornal “Desenvolve Itaquera”, que afirma ter acompanhado a gestão do médico desde o início, “no tempo em que esteve no cargo, muitas foram as reclamações [dos moradores registradas, principalmente quanto à zeladoria”.

Segundo o jornal, líderes de entidades, formadores de opinião e moradores dos distritos de José Bonifácio, Itaquera, Parque do Carmo e Cidade Líder, esperam por obras consideradas “simples”, como a manutenção de uma praça e a realização projetos em parceria com outras secretarias.

O cargo foi assumido por Jamil Yatim, ex diretor-presidente do Departamento de Água e Esgotos de Jundiaí.

Outro demitido, Heitor Sertão também era titular da administração da regional do Campo Limpo, na zona sul da capital, desde janeiro de 2017.

VEJA TAMBÉM
– Quanto ganha um prefeito regional de SP?
– Conselheiros participativos se dizem desrespeitados por prefeito regional

Image

O prefeito regional, Heitor Sertão, participou da reunião junto ao chefe de gabinete, Julio Fuda, e toda a equipe de coordenadores (Secretaria Executiva de Comunicação/Prefeitura de São Paulo)

Consultor de engenharia e meio ambiente, ele atuou por 35 anos na Sabesp (concessionária de água e esgoto paulista) e foi superintendente de tratamento de esgoto da região metropolitana de São Paulo. Havia sido subprefeito de Campo Limpo e Jabaquara.

Claudete Pereira da Silva assume o cargo. Ela atuava na coordenadoria de obras da prefeitura regional da Mooca, na zona leste.

***

Quanto ganha um prefeito regional de SP?

receba o melhor da mural no seu e-mail

Redação

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias tem como missão minimizar as lacunas de informação e contribuir para a desconstrução de estereótipos sobre as periferias da Grande São Paulo.

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.