MURAL 6 ANOS: Lições de criatividade, empreendedorismo e sustentabilidade das pontas das cidades

Bingo em viela, moda feminina GG, restauração de bonecas e outras ideias transformadoras

Bingo é diversão garantida com prêmios em Pirituba — Foto: Anderson Meneses/Agência Mural

Esta semana, estamos relembrando diversas reportagens, histórias e personagens que marcaram a trajetória de 6 anos do Mural. Completados ontem (24/11). Viva!!!

É um verdadeiro desafio diário escolher em todo este tempo apenas seis posts para cada lista*. O Top 6 de hoje, por exemplo, foi um dos mais difíceis, já que vamos apresentar aqui seis histórias que envolvem criatividade, empreendedorismo e sustentabilidade. Quer lugar melhor que as periferias para encontrar ideias com esses quesitos?

Receba nossa newsletter!

No sufoco para elencar, aqui vão algumas delas:

1ª) Bingo na viela!

Em Pirituba, na zona noroeste da capital, a viela Sapucaia lota aos sábados. Os prêmios são produtos de beleza de marcas famosas e garantia de diversão para toda vizinhança!

Bingo na viela movimenta moradores de Pirituba com produtos de beleza

2ª) Preta Empoderada

Preta, gorda, evangélica e feminista. É assim que Evelyn Daisy, 33, se define. Em julho deste ano, a moradora do bairro Chácara Santana, na zona sul, criou a marca de roupas “Preta Empoderada”.

Ao não achar roupas de seu tamanho, mulher cria marca em Chácara Santana

3ª) Moda e grafite de rapper

Tem grafite, CD e marca de blusas criadas pelo rapper Adriano Vicentini, 37, mais conhecido como Prodígio, em Guaianases, zona leste. A arte é seu ganha pão há pelo menos 20 anos.

Rapper usa o grafite para gravar CD e cria marca de blusas em Guaianases

4ª) Cineasta autodidata

A paixão por circo e filmes, como os de Mazzaroppi, levou Milton Santos Júnior, da Vila São Pedro, em São Bernardo do Campo, a fazer documentários, curtas e longas-metragens.

Cineasta lança filme baseado em bairro de São Bernardo

5ª) Solidariedade com bonecas

Com o objetivo de arrecadar dinheiro para a compra de fraldas geriátricas e pomadas para pessoas acamadas, um grupo composto por dez mulheres de Ermelino Matarazzo, na zona leste, criou um projeto que recupera bonecas encontradas no lixo ou doadas em péssimas condições. Após o trabalho, os brinquedos são vendidos e a renda é revertida para ajudar pacientes da região.

Mulheres restauram bonecas para ajudar doentes em Ermelino Matarazzo

6ª) Hortas, muitas hortas!

Por fim, nada disso te inspirou? Que tal plantar o que comer? Neste post, ideias de quem cultiva sua própria horta em casa para um consumo saudável!

Comentários