APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

DOE MENSALMENTE PELO CATARSE

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Notícias

O que dizem os presidenciáveis sobre segurança

Image

Por Paulo Talarico | 26.10.2018

Publicado em 26.10.2018 | 16:01 | Alterado em 26.10.2018 | 19:23

Tempo de leitura: 1 minuto

BOLSONARO
Com o discurso de que estamos em uma “guerra” pelo número de homicídios registrados no Brasil, o programa de Bolsonaro elenca alguns tópicos como medidas de governo.

  • Investir fortemente em equipamentos, tecnologia, inteligência e capacidade investigativa das forças policiais. 
  • Acabar com a progressão de penas e as saídas temporárias. 
  • Reduzir a maioridade penal para 16 anos.
  • Reformular o Estatuto do Desarmamento.
  • Excludente de ilicitude. “Policiais precisam ter certeza que, no exercício de sua atividade profissional, serão protegidos por uma retaguarda jurídica”.
  • Tipificar como terrorismo as invasões de propriedades rurais e urbanas no território brasileiro.

O QUE DIZ O PROGRAMA DE HADDAD
Candidato do PT, Fernando Haddad também aponta o alto número de homicídios como um tema ser enfrentado. Mas defende o controle da circulação de armas.

  • Redução de mortes violentas. Políticas intersetoriais que deem qualidade aos serviços públicos nos territórios vulneráveis e tragam atenção à situação de crianças, jovens, negros, mulheres e população LGBTI+
  • Política de controle de armas e munições deve ser aprimorada, reforçando seu rastreamento.
  • Sistema de inteligência fundado em alta tecnologia, monitoramento de nossas fronteiras, qualificação dos profissionais de segurança e combate à tortura.
  • Promover políticas consistentes de prevenção da violência, evitando o recrutamento de jovens vulneráveis pelo crime.
  • Plano Nacional de Política Criminal e Penitenciária:investir na gestão penitenciária capaz de promover reintegração social.
  • Promover a integração com governos estaduais e municipais.

 

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.