• Informações apuradas pela Agência Mural por meio de dados e entrevistas, buscando ouvir todos os lados envolvidos e seguindo nossa linha editorial.
    Notícia

‘O Salve’: projeto doa mesas digitalizadoras a artistas das periferias; ouça o podcast

Até o momento, 120 pessoas já apoiaram o projeto e cerca de 60 artistas já foram contemplados

Neste episódio o Em Quarentena falou sobre um projeto chamado “O Salve” que faz a ponte entre pessoas que querem doar mesas digitalizadoras e artistas que estão precisando. 

Uma mesa digitalizadora é aquele aparelhinho que parece um tablet, com uma superfície plana, que permite que o ilustrador desenhe diretamente no computador. 

Quem abriu o programa explicando o projeto foi Thamires Monteiro Rodrigues, de 20 anos, que é uma das integrantes do projeto. Ela também é designer e ilustradora na Agência Mural

“A gente tem todo um plano de descentralização, pois todos os recursos estão nas mãos de pessoas do centro e são pessoas privilegiadas. A mesa na nossa mão vai fazer toda diferença pra gente combater isso e deixar o jogo mais justo para todos”. (ouça a partir de 00:01

Embora seja uma ferramenta muito importante para designers e ilustradores, a mesa digitalizadora ainda custa caro. Por isso, a ideia do projeto “O Salve” é justamente democratizar o acesso a esse dispositivo para artistas que não têm condições financeiras para adquirir.

Thamires relatou como funciona esse processo. “Nós fazemos o match entre as pessoas que querem doar e as que querem receber uma mesa, logo depois a gente faz todo o acompanhamento junto com essas pessoas dando dicas e aulas para a pessoa que quer entrar no mercado de ilustração”. (a partir de 01:19

Atualmente o projeto é composto por uma equipe de três pessoas: a Thamires, cujo nome artístico é Barbizinhe, e os ilustradores Pongo Comics e Nanda Ilustra.

Em 2011, Pongo idealizou o “O Salve”, mas no início ele era voltado ao auxílio de pessoas em situação de rua. Foi este ano que o projeto ressurgiu com o mesmo nome mas com a ideia de fazer a doação de mesas digitalizadoras.

Até o momento 120 pessoas já apoiaram o projeto, tanto com dinheiro como na doação de mesas. E cerca de 60 artistas já foram contemplados.

A doação em dinheiro também é importante porque algumas mesas doadas chegam com falta de acessórios e o objetivo é entregar tudo certinho. 

O episódio foi encerrado com Thamires explicando como você pode conhecer mais e ajudar o projeto. 

“É só acessar nosso Instagram ou Twitter como: salve o salve. Compartilha também para que mais pessoas conheçam o projeto e a apoiem ele para que  a gente possa fazer o corre acontecer e mais pessoas sejam contempladas. É nós por nós sempre, salve o salve!”. (ouça em 02:24

E para conhecer mais projetos bacanas como esse é só continuar acessando o site da Agência Mural. Por lá você acompanha também conteúdo sobre o coronavírus

Ouça este bate papo completo no Em Quarentena #53 – Segunda Temporada – O Salve: projeto doa mesas digitalizadoras à artistas das periferias.

Podcast Em Quarentena

Viver em meio ao coronavírus não deve estar sendo fácil para ninguém. Imagina então para quem vive nas periferias. 

O “Em Quarentena” é o podcast especial que a Agência Mural de Jornalismo das Periferias criou neste momento da pandemia. Queremos informar, com notícias do dia a dia, quem mais precisa se virar meio a esse caos.

Você pode receber o podcast diretamente no seu Whatsapp, enviando um “Oi” para +55 11 9 7591 5260. Ouça também no Instagram, Youtube, Spotify, Deezer, Apple e Google Podcast

 

Redação

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias tem como missão minimizar as lacunas de informação e contribuir para a desconstrução de estereótipos sobre as periferias da Grande São Paulo.

Grande São Paulo

Comentários