APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Notícias

Barro Branco vence e conquista Super Copa Pioneer

Equipe fez resultado no primeiro tempo contra o Milianos e garantiu título com 100% de aproveitamento

Image

Por: Paulo Talarico | André Santos

Notícia

Publicado em 19.05.2019 | 17:30 | Alterado em 22.11.2021 | 15:43

RESUMO

Equipe fez resultado no primeiro tempo contra o Milianos e garantiu título com 100% de aproveitamento com nove vitórias e 26 gols marcados

Tempo de leitura: 2 min(s)

Com uma boa atuação no primeiro tempo, o Barro Branco conquistou, neste domingo (19), o título da Super Copa Pioneer. A equipe venceu o Milianos por 2 a 1, no estádio Distrital do Inamar, em Diadema.

Foi o primeiro título do torneio do time de Cidade Tiradentes, na zona leste de São Paulo. Comandado pelo técnico Gil, o Barro Branco terminou a competição com 100% de aproveitamento em nove jogos.

A conquista foi construída logo no começo do jogo. As duas equipes chegaram à decisão com ataques poderosos e cada um com uma média de quase três gols por partida. Com isso, as duas se jogaram para o ataque.

O Milianos teve a primeira oportunidade com Alexandre que chutou alto para defesa de Cesar. No entanto, a iniciativa dos atletas do Jardim Rosana, na zona sul, parou por aí na etapa inicial.

O Barro Branco tomou o controle do jogo e, pouco a pouco, começou a aproveitar a velocidade do seu ataque com Mauricio e Charlinho.

Após desperdiçar duas oportunidades, o gol nasceu. No contra-ataque, Mauricio fez o pivô e Murilo lançou para o ataque. Charlinho disparou livre e, na saída do goleiro, rolou a bola para Mauricio abrir o placar.

Foi o sétimo gol do atacante, que terminou como artilheiro da Super Copa Pioneer.

Torcida comemora o título

O Milianos tentou reagir, mas o ataque com Dudu e Professor não conseguiu furar a marcação da defesa do time da zona leste. No final do primeiro tempo, novo castigo para equipe do Campo Limpo.

Mauricio roubou a bola no ataque. O camisa 10, Caixa, recebeu e deu assistência para Denis. O meia bateu de bico, cruzado, no cantinho de Diego. “Se o Ronaldinho pode fazer de bico, porque não posso”, afirmou na saída para o vestiário.

Atrás no placar, o técnico Marquinhos, do Milianos, mudou a equipe e colocou Artur no jogo. O atacante mudou a cara da partida. Partiram dele as melhores jogadas da equipe do Jardim Rosana que começou a dar trabalho.

Em jogada individual, Artur pedalou na frente da área e chutou para boa defesa de Cesar. Na segunda oportunidade, ele não perdoou e descontou para o Milianos.

O gol incendiou a torcida e o time do Jardim Rosana na reta final do jogo. A pressão durou até os minutos finais. O atacante Dudu, em chute de fora da área, quase surpreendeu o goleiro Cesar, que por pouco não soltou uma bola fácil.

Mas a reação parou por aí. O título ficou com o Barro Branco, que recebeu R$ 50 mil de premiação. Vice, o Milianos ganhou R$ 15 mil.

receba o melhor da mural no seu e-mail

Paulo Talarico

Editor-chefe e cofundador da Agência Mural, é formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu e em História pela Universidade de São Paulo.

André Santos

Jornalista, entusiasta do carnaval, do futebol de várzea, de bares e cultivador assíduo da sua baianidade nagô! Correspondente do Jardim Fontalis desde 2017.

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.

Nenhum campo encontrado.