APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

DOE MENSALMENTE PELO CATARSE

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Vale Nota?

Com escolas fechadas, secretarias estudam dar cestas básicas no lugar da merenda

Medidas seriam destinadas a famílias pobres; Secretarias de Educação do Estado e da Prefeitura de SP afirmam que medidas serão anunciadas na sexta-feira (20);

Image

Por: Lucas Veloso

Notícia

Publicado em 17.03.2020 | 15:21 | Alterado em 17.03.2020 | 15:39

RESUMO

Medidas seriam destinadas a famílias pobres; Secretarias de Educação do Estado e da Prefeitura de SP afirmam que medidas serão anunciadas na sexta (20)

Na sexta-feira passada (13), o governo de São Paulo e a prefeitura da capital anunciaram a suspensão gradual das aulas nas escolas estaduais e municipais a partir desta segunda-feira (16). A suspensão total ocorre a partir da próxima semana, no dia 23.

Entre os moradores das periferias, uma das preocupações é como ficará a alimentação dos mais pobres e de famílias em que a merenda escolar tem um grande peso no mês.

Questionada pela Agência Mural, a Secretaria Municipal de Educação disse que estuda formas de manter a alimentação das crianças. Segundo informações da pasta, isso pode ser por meio de uma cesta básica, transferência de recursos ou a oferta de merenda em algumas unidades. 

O secretário municipal de educação, Bruno Caetano, prometeu respostas até o fim da semana. “A rede de ensino tem 1 milhão de alunos, distribuídos em 4.000 escolas. Até sexta-feira (20), vamos anunciar as medidas que serão adotadas para que as crianças possam receber os alimentos”.

Image

Secretaria diz que estuda medidas no caso de famílias que precisem @Léu Britto/Agência Mural

Na rede estadual, sob o comando de Rossieli Soares, as medidas para garantir merenda escolar também estão sendo pensadas. Por enquanto, não se sabe se os beneficiados serão aqueles cadastrados em programas sociais, como o Bolsa Família, por meio de crédito no cartão. Ou se a alternativa será a entrega de cestas básicas.

A orientação da Secretaria Estadual é que as respostas sejam dadas até o fim da semana, período em que serão definidos os critérios para o recebimento e de que maneira isso será feito. 

Outra questão em estudo é como manter unidades em funcionamento para os filhos de trabalhadores da saúde e segurança pública. 

VEJA MAIS:
Peneiras da Taça das Favelas são adiadas contra pandemia
Nos trens e nos ônibus: os cuidados para quem não pode evitar o transporte público
Prevista para abril, Perifacon é adiada para junho

MAIS CUIDADOS

Segundo a secretaria, nas últimas semanas os funcionários das Diretorias Regionais de Educação receberam treinamento para capacitação sobre o novo coronavírus e para redobrar a atenção quanto aos cuidados necessários.

“Esta semana [16 a 20 de março] ainda haverá aulas. Enquanto isso, a equipe técnica fará o planejamento observando as orientações das autoridades de saúde, a evolução da epidemia e ouvindo as famílias”, respondeu  a secretaria municipal

“Não faremos uma interrupção das aulas de qualquer maneira. Tem que ter um planejamento com as famílias. Não adianta parar as aulas e as crianças ficarem com avô e avó que é o público que mais temos que nos preocupar”, afirmou o secretário da Educação do estado, Rossieli Soares, na entrevista sobre as medidas de cuidado com a pandemia. 

Outra medida adotada pela Secretaria Municipal de Educação é o ‘“Dia D” de prevenção ao Covid-19 (Coronavírus)’ em todas as escolas que fazem parte da rede municipal de ensino nesta terça-feira (17). A ação inclui material informativo com orientações de prevenção à doença, além de realizarem atividades lúdicas e pedagógicas ao longo da semana.

Lucas Veloso

Jornalista, cofundador e correspondente de Guaianases desde 2014.

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.