• Informações apuradas pela Agência Mural por meio de dados e entrevistas, buscando ouvir todos os lados envolvidos e seguindo nossa linha editorial.
    Notícia

Peneiras da Taça das Favelas são adiadas por prevenção ao coronavírus

Organizadores afirmam seguir orientação de prefeituras e governos estaduais; evento pretendia reunir mais de 600 mil jovens pelo país

Nesta sexta-feira (13), a Cufa (Central Única das Favelas) decidiu adiar as peneiras que defiriam os atletas que disputarão a Taça das Favelas em 2020. O anúncio foi feito no final da tarde. O adiamento foi solicitado por governos estaduais e municipais, por conta da pandemia do coronavírus – (Sars-Cov-2).

As peneiras seriam realizadas neste fim de semana, nos dias 14 e 15 de março em várias cidades brasileiras.

“Ao mesmo tempo que recebemos a solicitação de adiamento da peneira, também é do nosso interesse evitar a proliferação do vírus, assim como temos certeza que patrocinadores, parceiros, atletas, lideranças de favelas, técnicos, torcedores, jornalistas e de todos que, de alguma maneira, se envolvem com o nosso projeto compartilham desta nossa decisão”, afirmou a Cufa, em nota oficial.

Crédito: Divulgação/Taça das FavelasEm 2019, torneio teve título do Parque Santo Antônio

O evento causou preocupação, pois a estimativa é que 600 mil jovens participariam das peneiras em 12 estados – 50 mil deles só em São Paulo.Ainda não há uma nova data para a realização das peneiras.

Em São Paulo, a Taça das Favelas realiza neste ano a segunda edição com 128 seleções de diversos bairros da capital. No ano passado, a seleção da Casa Verde venceu a edição masculina, enquanto o Parque Santo Antônio levou o título masculino.

VEJA TAMBÉM:

Orientações para se prevenir contra o vírus no transporte público
Em Cidade Tiradentes, jovem conta como entrou em quarentena
Prefeituras da Grande SP negam boatos sobre coronavírus; Barueri suspenderá aulas dia 23

Redação

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias tem como missão minimizar as lacunas de informação e contribuir para a desconstrução de estereótipos sobre as periferias da Grande São Paulo.

Grande São Paulo

Comentários