• Informações apuradas pela Agência Mural por meio de dados e entrevistas, buscando ouvir todos os lados envolvidos e seguindo nossa linha editorial.
    Notícia

Eleições em Guarulhos: quem são os candidatos na disputa em 2020

Segundo município mais populoso da Grande São Paulo, cidade tem seis candidatos à prefeitura e pode ter segundo turno
Lagoa dos Patos em Guarulhos; cidade tem mais 800 mil eleitores (Humberto Muller/Agência Mural)Humberto Muller/Agência Mural

A cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo, tem 12 candidatos registrados para disputar as eleições 2020 para a prefeitura. O número é grande. Para comparar, a cidade de 800 mil eleitores tem quase o mesmo número de concorrentes do que a capital, onde 8 milhões podem votar em novembro.

Para o legislativo, 1.157 políticos concorrem por uma vaga na Câmara Municipal de Guarulhos. Confira os candidatos e o link para as propostas de cada um:

Eleito pela primeira vez em 2016, Gustavo Henric Costa, o Guti (PSD), é candidato à reeleição em uma coligação com nove partidos. O candidato a vice do pessedista é o presidente da Câmara Professor Jesus (Republicanos). (Proposta de governo registrada por Guti) 

Entre os adversários está o ex-prefeito Elói Pietá (PT), que governou Guarulhos por duas gestões entre 2001 e 2008. O petista tem o apoio de outros dois partidos e lançou como candidata a vice Adê Rocha (Solidariedade). (Proposta de governo registrada por Pietá).

Já o ex-deputado estadual Professor Auriel (PC do B) disputa com Pastor Rogério Tomaz (PC do B), como vice. (Até dia 28 de setembro, as propostas de Auriel, Fran Corrêa (PSDB), Sandra Santos (PDT) e Jovino (PV) não constavam no site da Justiça Eleitoral)

O PSDB lançou Fran Corrêa como candidata à prefeitura. Ela é esposa do deputado federal Eli Corrêa Filho (DEM), que disputou a prefeitura em 2016 e ficou em segundo lugar. Com mais seis partidos na coligação, Fran tem como vice Maruoka (DEM). 

Além de Fran, outras três mulheres disputam a prefeitura. Candidata a vice em 2016, Adriana Afonso (PL) disputa o comando do executivo com Flamarion (PL) como candidato a vice e o apoio do PMB. (Proposta de Adriana)

O PSOL lançou Simone Carleto com a Professora Eliana Nunes como candidata a vice. (Proposta de Simone). Por fim, a Professora Sandra Santos (PDT) faz dobrada com Luis Pummer (PDT). Sandra inicialmente foi registrada como candidatada a vice, mas se tornou cabeça de chapa depois que o deputado estadual Marcio Nakashima anunciou que não disputaria o pleito.  

Também concorrem para prefeito o vereador Eduardo Barreto (Pros) em dobrada com Doutor Roberto (Pros) (Proposta registrada por Barreto); pelo PSL, Néfi Tales e Allan Santos vice (Proposta registrada por Tales); Wagner Freitas e Doutor Ademil Goes pelo PTB (Proposta de Wagner); Rodrigo Tavares e Eliana Galvão pelo PRTB (Proposta de Rodrigo); e Jovino Cândido (PV) a prefeito com Professora Arlete Ribeiro, vice, fecham a lista. 

A campanha começou oficialmente neste domingo (27) e os candidatos podem gastar até R$ 5,2 milhões no primeiro turno para fazer campanha.

SAIBA MAIS:
Veja quanto os candidatos a prefeito e vereador podem gastar na Grande SP
A um ano da eleição, Grande SP tem 500 obras paradas ou atrasadas; confira os projetos de Guarulhos
Confira a cobertura das eleições 2020 nas periferias da Agência Mural
Covid-19: quanto a doença afetou as cidades da Grande SP

Redação

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias tem como missão minimizar as lacunas de informação e contribuir para a desconstrução de estereótipos sobre as periferias da Grande São Paulo.

Grande São Paulo

Comentários