APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

DOE MENSALMENTE PELO CATARSE

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Democratize-se!

Marcelo Oliveira vence eleição em Mauá e será o novo prefeito

Com uma diferença de menos de 3.000 votos, petista bateu o atual prefeito Átila Jacomussi

Image

Notícia

Por: Redação

Publicado em 29.11.2020 | 22:44 | Alterado em 30.11.2020 | 19:40

Tempo de leitura: 1 minuto
Image

Marcelo Oliveira foi eleito e governará pela primeira vez Mauá @Reprodução/Facebook

Com 50,74% dos votos, o vereador Marcelo Oliveira (PT) será o novo prefeito de Mauá, na região do ABC Paulista, na Grande São Paulo. Ele ficou menos de 3.000 votos à frente do atual prefeito, Átila Jacomussi (PSB).

O prefeito terá o desafio de avançar em uma cidade que vive problemas na área da habitação e no abastecimento de água.

Apesar de uma gestão marcada por polêmicas, com afastamento votado pela Câmara Municipal, ter ficado mais de uma vez fora da prefeitura e enfrentar processos na justiça, Átila foi o mais votado no primeiro turno com 36% e quase manteve a vantagem na reta final.

Apesar disso, dois opositores tiveram votações expressivas. Oliveira e o candidato Juiz João (PSD) disputaram voto a voto quem iria para o segundo turno. No final, o petista teve 19,8% contra 19,5% de João.

VEJA TAMBÉM:
Candidatos a vice de Covas e Boulos se tornam tema nas periferias de SP
Confira todos os prefeitos que já estão eleitos na Grande São Paulo

No segundo turno, a campanha de Átila explorou o antipetismo, enquanto a de Oliveira abordou os problemas enfrentados por Jacomussi – ele nega as acusações.

Com a vitória de Marcelo Oliveira em Mauá, a região passa a ter dois prefeitos petistas, com a vitória de José Filippi (PT) em Diadema.

Ainda na região, o PSDB levou no primeiro turno as disputas de Santo André e São Bernardo do Campo, enquanto o Podemos e o PL em Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires, respectivamente. São Caetano do Sul aguarda a justiça definir a situação de Auricchio (PSDB).

Redação

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias tem como missão minimizar as lacunas de informação e contribuir para a desconstrução de estereótipos sobre as periferias da Grande São Paulo.

Republique

Faça com que essa história chegue para mais pessoas.

Republique o nosso conteúdo gratuitamente.

Regras:

Os títulos podem ser modificados desde que não mude o contexto;

Os textos devem ser publicados como estão na versão original, sem edição ou cortes;

Todas as republicações devem dar crédito para a Agência Mural e também os créditos dos profissionais envolvidos em sua produção, conforme aparece na publicação original;

As fotografias e outras imagens/artes podem ser republicadas com os devidos créditos;

Os vídeos republicados não devem passar por nenhum tipo de edição, devem conter os créditos da Agência Mural; para transmissão na TV, é preciso enviar um pedido para contato@agenciamural.org.br.

Reportagens publicadas no site www.agenciamural.org.br não podem ser revendidas.

Se possível, os materiais republicados devem mencionar o perfil da Mural nas redes sociais.

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.