APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

DOE MENSALMENTE PELO CATARSE

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Sobre-Viver

Covid-19 chega a Salesópolis e apenas uma cidade não tem infectados na Grande SP

Apenas São Lourenço da Serra não notificou casos; Grande SP chega a 8,4 mil casos de Covid, e Osasco tem 206 infectados

Image

Por: Paulo Talarico

Notícia

Publicado em 14.04.2020 | 15:51 | Alterado em 14.04.2020 | 17:03

RESUMO

Apenas São Lourenço da Serra não notificou casos; Grande SP chega a 8,4 mil casos de Covid, e Osasco tem 206 infectados

Tempo de leitura: 2 minutos

A 90 km de São Paulo, Salesópolis é conhecida pela natureza, por ser uma estância turística e onde nasce o rio Tietê. Mesmo com clima interiorano, 17 mil habitantes e estar distante da capital, o município confirmou nesta semana o primeiro caso de Covid-19.

O dado foi divulgado na segunda-feira (13) pelo Condemat (Consórcio Intermunicipal do Alto Tietê) e aponta que todas as cidades da região leste da Grande São Paulo tiveram casos. É também exemplo que até os extremos da metrópole já possuem casos e outros suspeitos.

Pirapora do Bom Jesus, no lado oeste, também confirmou a primeira contaminação, além de investigar uma morte. 

Apenas um município dos 39 da região metropolitana não tem registro de confirmações até esta segunda-feira (13): São Lourenço da Serra, na região sul de Taboão da Serra. 

Cidades População Casos confirmados de Covid-19 até 13/4  Óbitos Casos que ainda aguardam resultados (suspeitos)
Óbitos em investigação
São Paulo 12252023 6831 456 20729
Osasco 698418 206 16 1418 27
Santo André 718773 150 5 508 26
São Bernardo* 838936 137 21 1124
Barueri 274182 136 4 1028 38
Guarulhos 1379182 134 13 2091 69
São Caetano 161127 95 6 432 13
Taboão da Serra 289664 87 8 165
Mogi das Cruzes 445842 85 11 92
Santana de Parnaíba 139447 59 0 323
Diadema 423884 58 2 510 14
Cotia 249210 53 6 265 12
Carapicuiba 400927 41 3 356 16
Mauá 472912 36 2 629
Caieiras 101470 35 9 42
Embu das Artes 273726 34 1 299 5
Itaquaquecetuba 370821 34 1 525 14
Ferraz de Vasconcelos 194276 32 0 322 15
Franco da Rocha 154489 30 2 262
Itapecerica da Serra 175693 28 1 102 5
Suzano 297637 28 7 106
Itapevi 237700 24 5 157 5
Ribeirão Pires 123393 22 0 67 2
Cajamar 76801 21 1 188
Francisco Morato 175844 20 1 66
Arujá 89824 15 1 137
Mairiporã 100179 11 2 365
Rio Grande da Serra 50846 9 0 23
Poá 117452 8 1 162
Jandira 124937 6 0 148 15
Vargem Grande Paulista 52597 5 3 323 2
Embu-Guaçu 69385 4 1 63
Santa isabel 57386 2 0 101
Biritiba Mirim 32598 1 0 23 0
Guararema 29798 1 0 6
Juquitiba 31444 1 1 4 2
Pirapora do Bom Jesus 18895 1 0 1
Salesópolis 17139 1 0 40
São Lourenço da Serra 15825 0 0 7 1
Total 21734682 8481 590 33208 282

ALTA

Ao todo, a Grande São Paulo tem 8,4 mil casos e aguarda os resultados de 32 mil exames de casos suspeitos. 

A situação tem levado os municípios a adotarem medidas de isolamento para impedir o avanço do coronavírus mais rapidamente e que seja possível a preparação dos sistemas de saúde a tempo. Um dos desafios é justamente a preparação dos leitos de UTI. As cidades têm apostado em hospitais de campanha. 

O avanço dos casos mostra Osasco como a segunda cidade com mais casos na região metropolitana, a frente de cidades mais populosas como Guarulhos e São Bernardo do Campo. No município osasquense, há casos em ao menos 52 bairros. 

Por outro lado, São Bernardo do Campo é a cidade com mais mortes depois da capital.

VEJA MAIS:
Confira a cobertura especial sobre o coronavírus e as periferias
Confira como solicitar o auxílio de R$ 600
Aldeia do Jaraguá tenta se proteger da Covid-19
‘Comprar comida é o mais urgente agora’, dizem autônomos que aguardam auxílio de R$ 600

DADOS NÃO BATEM

A contabilização de casos da Covid-19 no estado de São Paulo está abaixo do número divulgado pelas prefeituras. Levantamento da Agência Mural nas 39 cidades da região metropolitana aponta uma diferença de 584 casos já confirmados pelas gestões municipais e 47 mortes a mais. 

Questionada sobre as diferenças na semana passada, a secretaria estadual de Saúde disse ser normal, pois poderia se tratar da demora entre a confirmação do caso na cidade e o envio das informações pela prefeitura a gestão. 

Chama atenção, contudo, que em em alguns casos, o governo do estado contabilizou mais casos do que o informado pelas cidades. A cidade de Guarulhos, onde a prefeitura informou ter 136 casos e o governo estadual aponta 200.

O governo estadual indica que há 34 cidades com casos, enquanto 38 prefeituras já confirmaram ter tido casos de Covid-19.

Paulo Talarico

Editor-chefe e cofundador da Agência Mural, é formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu e em História pela Universidade de São Paulo.

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.